A clave de Dó

A Clave de Dó

Todos nós sabemos que as notas musicais são em sete nomes. Para

colocar essas notas musicais em um pentagrama, os músicos ( há

mais de 500 anos) se organizaram e definiram em três regiões: região

aguda, região média e região grave.  Na música popular, dando

enfoque principalmente na brasileira, nós utilizamos somente duas

claves. Uma aguda e a outra grave. A mais aguda se chama clave de

sol e a mais grave se chama clave de fá. A clave mediana era chamado

de clave de dó. Hoje em dia pouquíssimo usada na música popular. 

A clave de dó era originalmente representada por uma letra C

ornamentada, que nos países anglo-saxônicos corresponde a nota dó.

Hoje em dia, essa clave vem na terceira linha ou na quarta linha da

pauta. 

A clave de Dó na terceira linha

Seu uso na terceira linha está praticamente restrito às partituras para o instrumento viola. Não é a viola da música sertaneja que eu estou falando, e sim a viola de orquestra. 

A clave de Dó na quarta linha

Outro uso para clave de Dó na quarta linha,  é usada para escrever

notas mais finas para o violoncelo, o fagote e para o instrumento

trombone tenor.

Veja a clave de dó entre as duas claves: clave de fá em baixo, clave de

dó ao meio e clave de sol em cima. A clave de Dó ” pega ” um trecho

das duas outras claves.

Vamos continuar essa aula na nossa plataforma de ensino à

distância… você esta convidado !! Acesse gratuitamente essa aula no

link abaixo. Bom estudo pra você !!

texto escrito por: professor Carlos Neves

Professor de música na Ebrarte- Escola Brasileira de Arte desde 1997

Comece por aqui.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *